Dicas Nutricionais

Dieta, sacrifício é não fazer

dieta

Começar uma dieta pode ser difícil e quanto mais radical for o cardápio, maiores serão as chances de desistir no meio do caminho. A reeducação alimentar pode ser a solução para quem pretende iniciar um programa alimentar e segui-lo sem burlar as recomendações. A melhor maneira de aderir a uma nova alimentação é ir devagar, sem pressa e sem sacrifícios.

1 – Quando é hora de iniciar uma dieta?

Uma peça de roupa que não serve mais ou um evento importante que está por vir, estes são alguns dos principais motivos que fazem com que algumas pessoas decidam iniciar uma dieta. Porém, o que a maioria esquece é que cuidar do corpo traz benefícios que vão além da estética, aliás, uma boa alimentação combate e previne grande parte das doenças.

Começar um dieta é fácil, difícil mesmo é permanecer nela e manter os resultados ao longo do tempo. Portanto, o mais importante é dar um passo de cada vez, sem pressa, seja qual for o seu objetivo, lembre que a meta final é cada dia ter mais qualidade de vida e envelhecer com saúde.

2 – Por que não seguir dietas de amigos?

Estar com o peso adequado envolve um sistema complexo entre o comportamento alimentar, os hábitos, os estímulos, a cultura e os aspectos fisiológicos de cada pessoa. Por isso, muitas vezes, somente uma “dieta padrão” pode não funcionar.

Você já deve ter se deparado com cardápios prontos que apenas consideram a contagem de calorias, isso não quer dizer que não funcione, porém, cada pessoa é de um jeito e possui necessidades do ponto de vista da nutrição que precisam ser avaliadas com muita cautela. A genética contribui para que o mesmo tipo de dieta responda de forma diferente em cada indivíduo. Por isso, a melhor dieta é a elaborada exclusivamente para você!

dieta

3 – A cada quanto tempo mudar a dieta?

Muitas pessoas sofrem do efeito platô, que nada mais é do que a estabilização do peso corporal após um período de alimentação restrita. Depois de algum tempo o organismo se acostuma a essa condição, requerendo menos energia para suas funções vitais e diminuindo o metabolismo basal, sem gerar resultados significativos na balança.

O momento em que este efeito aparece é variável e depende de inúmeros fatores, sendo comum ocorrer pela primeira vez após três meses de dieta, podendo acontecer mais de uma vez. Portanto, algumas pessoas precisam mudar a dieta mensalmente, outras passam meses seguindo o mesmo cardápio e obtendo excelentes resultados, sem necessidade de mudança.

 

Você vai gostar também:

Não erre, comece a suplementar na hora certa

Dia do lixo, comer para emagrecer

Os 7 piores erros ao emagrecer

 

4 – Qual é a duração média de uma dieta? 

Quando se pensa em reeducação alimentar para toda a vida, o objetivo principal é que cada um encontre seu equilíbrio, pois isso é muito particular. Atingir esse estágio se resume em fazer algo saudável para o corpo na maioria das vezes e esporadicamente fazer algo que possa não fazer bem a ele, mas que faça bem para a autoestima.

Por exemplo, beber mais de 2 vezes por semana, comer aditivos químicos diariamente (industrializados), usar farinha branca e ingerir açúcar rotineiramente não é equilíbrio, nem para a saúde e muito menos como um objetivo estético.

Pense em si mesmo, no que você precisa melhorar no seu dia a dia para chegar no objetivo que almeja. O equilíbrio de uma pessoa pode ser o excesso para outra, e assim vice versa. Sem terrorismo nutricional, mas com disciplina!

 

Texto elaborado pela Nutricionista Amanda Santin.