Massa Muscular

Albumina ou Whey: qual proteína usar?

A prática de exercícios físicos para o corpo é muito importante. Quando optamos por um ganho maior de massa muscular, passamos a aumentar a intensidade do treino e além disso, surge a necessidade de uma melhor alimentação, acompanhada pela suplementação.

Nesse momento, aparecem dúvidas, sobre qual o tipo de suplementação tomar, para que tomar e como tomar, não é mesmo? As opções mais conhecidas são a albumina e o famoso Whey Protein. Sabemos que isso pode parecer confuso, aliás, com qual suplemento irei atingir meus objetivos? Albumina ou Whey? Fique tranquilo, vamos explicar tudo neste post.

Antes e depois do treino precisamos ingerir certas substâncias a fim de otimizar os resultados. Como já falamos aqui no blog – Antes e depois do treino, 6 alimentos que podem ser consumidos – antes do treino é muito importante ingerir carboidratos, e após o treino, a preferência são as proteínas, presentes tanto na albumina quanto no Whey Protein.

Entenda agora a diferença: Albumina ou Whey?

Whey protein:

O Whey protein é um dos suplementos mais conhecidos. Composto pela proteína do soro do leite é uma boa dica para quem busca resultados rapidamente. O Whey protein é de rápida absorção e super indicado para o pós-treino, principalmente aqueles que incluem atividades de alta intensidade.

Devido a sua rápida absorção, é ideal para a hipertrofia. Após o treino, abrimos a chamada “janela de oportunidades” e este é o momento em que o músculo está mais receptivo a nutrientes e assim permitindo um alto grau de absorção de proteínas. A chance de aumentar os resultados é gigantesca. albumina ou whey

O whey pode ser consumido até mesmo por crianças, gestantes e idosos, como já falamos aqui no blog. Ele possui ação antioxidante, o que mantem a saúde da pele, retarda o envelhecimento e previne doenças, fortalece o sistema imunológico e reduz os efeitos do treino, como a fadiga. Muitas pessoas intolerantes a lactose possuem receio em consumir o Whey, mas a verdade é que existe o Whey Protein sem lactose e sem glúten, são os mesmos resultados e o sabor continua delicioso!

Albumina:

A albumina é um tipo de proteína localizada na clara do ovo e sua fórmula pasteurizada e desidratada é encontrada em suplementos. O uso dela para a suplementação é muito importante, já que contém, além da proteína, ferro e outras vitaminas essenciais à saúde. Muitas pessoas não gostam do sabor natural da albumina, por isso, existem formas em pó com diversos sabores, como chocolate e baunilha.

albumina ou whey

A albumina aumenta a capacidade e a funcionalidade dos músculos, indicado até mesmo para os idosos, a fim de evitar as quedas tão comuns nessa idade. Ela diminui ainda os sintomas pós treino, aumenta a sensação de saciedade e ajuda na coagulação do sangue. Sem falar, que seu preço é mais acessível em comparação ao Whey. É benefício que não acaba!

O tempo de absorção da albumina pelo corpo é de 2 a 3 horas, mais lento que o tempo de absorção do Whey Protein, fornecendo o suporte proteico por um período mais longo e colaborando assim para a sensação de saciedade. Seu consumo é muito indicado antes de dormir, já que ficamos um longo tempo sem alimentar-nos e essa reposição proteica é fundamental. As vantagens não param por aí, a albumina dificilmente engorda, pois tem pouca gordura e poucas calorias, mas se você consumir e não praticar exercícios físicos, irá engordar sim!

A escolha por suplementos fica a seu critério e depende de seus objetivos. Lembrando que nosso corpo precisa tanto das proteínas de rápida absorção, como daquelas mais lentas também. Seja a albumina ou Whey protein, consuma-os para otimizar seus resultados, se possível, peça auxilio a profissionais da área, aliando sempre à boa alimentação e a prática constante de exercícios físicos.

 

banner demigod